Panacéia dos Amigos

VISITAÇÃO

quinta-feira

O Gigante Lunar






Na foto , é possível ver uma estranha figura humana atravessando uma das planícies desertas da Lua. No Google Earth (Moon) digitando as seguintes coordenadas: 27°34'26.35"N 19°36'4.75"W, é possível vê-lo..



A imagem se parece muito com a do Colosso de Rodes, uma estátua de Hélio – o deus do sol na Mitologia Grega –, que tinha 30 metros de altura, pesava 70 toneladas e era feita inteiramente de bronze. Entretanto, o monumento, que foi considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo, desmoronou no ano de 226 a.C.



A estranha figura foi encontrada por Jasenko, um caçador de anomalias, que vasculhou milhões de imagens publicadas no Google Earth e que formaram a paisagem do Google Moon.



Explorando uma área desolada da Lua, o youtuber wowforreeel destacou o objeto, mudou o ponto de vista para um ângulo horizontal e aumentou o zoom na estranha sombra do que parece ser a estátua de um homem gigante, com as pernas abertas e talvez com centenas de metros de altura.



Claro que a sombra poderia ser explicada de diferentes maneiras, principalmente como um truque de luz ou um glitch da câmera do satélite. Entretanto, se deixarmos de lado essas explicações, ainda resta a dúvida sobre do que se trata esse objeto, uma vez que ele parece se sobressair a uma grande distância da superfície da Lua.



Todavia, o fenômeno pode ser também só mais um exemplo de pareidolia – um fenômeno estritamente psicológico que envolve um estímulo vago e aleatório, mas que é percebido pelo cérebro como algo que faz sentido. Ou seja, mesmo que o colosso não seja mais do que apenas uma sombra na lua, nossa mente é levada a compará-lo com algum elemento conhecido, visando assim extrair algum significado.



Alguns exemplos de pareidolia são as imagens de santos vistas em janelas; os animais e objetos enxergados nas nuvens; e as mensagens secretas ouvidas ao se tocar um disco ao contrário.



No entanto, permanece a dúvida..


Nenhum comentário:

Postar um comentário