Panacéia dos Amigos

VISITAÇÃO

quarta-feira

Nossos Deuses são Super Heróis por Cristhoper Nowles

O mundo das histórias em quadrinhos tem lugar cativo no meu coração. Através delas descobri as leituras, os desenhos e tudo o mais. Mesmo sendo acusado várias vezes de “infantil” continuo um apreciador, porque não há dialética que convença quem não quer ser convencido de todos os atributos da 9ª arte. Se Will Eisner, Alan Moore, Neil Gaiman e Frank Miller entre outros artistas geniais não convenceram, que posso eu fazer? E quem se importa?

O cinema já percebeu a força dos personagens criados nos quadrinhos e se apossou deles. Claro, afinal são mitos reverenciados por gerações com um apelo evidente. E é precisamente sobre esta leitura que trabalha o autor Cristhoper Nowles neste interessante livro “Nossos Deuses são Super – Heróis” no qual, identifica as raízes esotéricas de diversas histórias em quadrinhos.

Como está em sua própria descrição, este livro explica como os super-heróis vieram ocupar, na sociedade moderna, o papel que os deuses e semideuses representavam para os antigos. Ele traça uma linha entre escolas esotéricas e magos que desempenharam um papel vital no desenvolvimento de fenômenos sociais como os filmes do Batman ou dos X-Men, ou séries de TV como Heroes e Smallville. Aqui, Chris Knowles ergue o véu que encobre o vínculo entre super-heróis e o mundo encantado da magia e do misticismo.

Interessante notar como os antigos mitos foram revestidos na forma de super-heróis. Uma nova roupagem para a mesma essência e função: a necessidade humana de mitos. Joseph Campbell já havia apontado que todos os caminhos levam a Roma e Knowles mostra neste livro o caminho que se interliga com as histórias em quadrinhos.

Uma leitura fácil, porém, instigante que irá agradar a fãs e não fãs de HQs. Vale a leitura.

E lembrem-se: Quem lê um livro comunga com a alma deste, e desta comunhão renova a sua própria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário