Panacéia dos Amigos

VISITAÇÃO

quinta-feira

Transformando os paradigmas - parte final

Sintonia Sutil

Agora compreendo que tenho algo chamado “Eu Superior”, e é ele que primeiro devo contatar, ele tem todas as respostas que procuro. Ele sou eu mesmo! Neste ponto o “Eu Físico” já divide a Importância com o “Eu Extrafísico”, a busca Agora é pela compreensão do “Eu Extrafísico” em conseqüência se chega ao “Eu Superior”. Demos um grande passo em busca de transformação, e descobrimos que subimos mais um degrau, mas a escada é ainda é bem longa. Nosso primeiro paradigma está totalmente modificado, e agora nossa sintonia é muito mais sutil, mas nosso padrão de ressonância ainda precisa ser trabalhado. Precisamos de mais respostas!!

APRENDENDO A SENTIR E A DISCERNIR

Aura é o campo eletromagnético que envolve o Ser criado. Pela aura, transitam diferentes tipos de partículas que atraímos e irradiamos. Partículas carregam idéias, pensamentos, sentimentos, ou seja: energias.A aura revela como nosso psiquismo interpreta e assimila (ego) energias.Quando o campo de um Ser entra em contato com o de outro Ser, seja ele físico ou extrafísico, partículas são permutadas pela finidade.

A permuta das partículas (informações, energias), expõe o verdadeiro padrão energético do Ser criado: sutil ou denso, luminoso ou apagado.Este padrão é o reflexo da interação de energias que o indivíduo realiza durante o seu dia a dia. Só pode ser transformado por uma ação constante no seu dia a dia. Ë possível distinguirmos, um padrão de energia diferente daquele com o qual estamos acostumados pois, todo Ser criado, possui uma “identidade energética”. Ë essencial portanto, aprendermos a “discernir as informações” e a “sentir as energias” pois, só assim conseguiremos “atuar com lucidez”.

Faz-se necessário conhecer e praticar os princípios de Fraternidade Universal, compreendendo e respeitando o momento consciencial de cada um (Princípio de “Não Interferência”).

SINTONIA VIBRATÓRIA

Sintonia Vibratória é o processo que se forma, quando nos “ligamos” aos muitos seres que de nós se aproximam (afinidade), porque todos buscam o seu próprio bem estar. A “qualidade” da ligação, é proporcionada pelo “padrão pensênico”. O Ser criado, atrai para si aquilo que irradia. Nossas “formas pensamento” estabelecem a sintonia. Partículas são então atraídas pelas nossas próprias irradiações. Se nós irradiamos partículas densas, nós atraímos partículas densas. Se irradiamos partículas sutis, atraímos partículas sutis. Faz-se necessário portanto, identificar o padrão pensênico predominante, para medir nosso atual “estado de coerência”.

Todo tipo de partículas (características, propriedades e peso) preenche todos os espaços à nossa volta. Por isso que, todo tipo de pensamento, é imediatamente correspondido. O padrão predominante, é que determina a nossa sintonia real. Sendo assim, por melhor que nos concentremos por minutos ou horas, o “estado de coerência” não se altera. A mudança, tem que ser mais radical e verdadeira. É preciso alterar o padrão predominante, isto é, abandonar a “zona de conforto”. É o padrão predominante que intensifica “bolsões” densos ou sutis, permitindo a aproximação de seres com padrão de sintonia semelhante, físicos e extrafísicos.

As formas pensamento são conduzidas pelas partículas serviçais (neutrinos), que são partículas sem carga, portanto, impregnáveis, e que absorvem e conduzem formas pensamento. Estão sujeitas a receberem programação e reprogramação. As partículas serviçais estão por toda parte e produzem a Ressonância Morfogenética. Uma partícula que recebe uma programação (formas pensamento) espalha a informação a todas que tiver contato.

Quando existe a predominância de determinado padrão de forma pensamento, a programação das serviçais em menor número pode ser alterada, por isso, é muito importante cada pessoa procure manter um padrão de ressonância coerente, sustentando assim um mecanismo de combate a predominância de energias que atuam como boqueio consciencial.

Tudo o que falamos, como agimos e o que pensamos, cria formas pensamento e instantaneamente nossa irradiação é correspondida. Isto ocorre através da ressonância morfogenética. Alguém físico ou extrafísico que estiver na mesma frequência de sintonia, irá captar e corresponder a ressonância. Portanto nossa responsabilidade aumenta assim que temos “conhecimento” do processo.

Fonte: www.proconsciencia.kit.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário